DESMISTIFICANDO A ORIGEM DO NOME CARIOCA 

Uma das versões contadas sobre a origem do nome carioca pelo Historiador Francisco Adolpho de Varnhagen, ( Visconde de Porto Seguro ) no Livro História Geral do Brasil editado em 1857, ele afirma que a origem do nome vem de um casebre que foi transformado em Casa de Pedra. Segundo o estudioso os Tupinambás chamariam de Cari ( Homem branco ) Oca ( casa ) , ou seja, Casa do Homem Branco.
Esta é uma versão colonizadora. A tese começa a “ cair por agua abaixo.” após estudos mais detalhados e avançados do Antigo Tupi provando que o termo usado para designar “homem branco” era KARAÍBA. Alem disso o verdadeiro sentido da palavra “carioca”esta disponível no livro VIAGEM A TERRA DO BRASIL escrito pelo francês que conheceu e viveu com os tubinambás Jean de Lery lançado em 1574.
Ele obteu a informação de um tupinambá que vivia em um Taba chamada KARIOCA ou KARIOK( em Tupi ).
A aldeia era assim chamada por estar perto de um ribeirinho chamado Kariós ( Carijos ) e de Ok ( oca ) formando a palavra Kariók.
Talvez essa hipótese tenha sido rechaçada e menosprezada por ser de fonte francesa ou pelo fato de existir uma tribo Carijós no litoral Sul do Brasil que era inimiga dos Tupinambás, porém o alemão Hans Staden conviveu com um cativo carijo que disse que as tribos mantinham contato, falavam a mesma lingua e mantinham os mesmo rituais religiosos.
Um outro detalhe importante é que o rio chamado carioca não tinha o fonema Y que designava em Tupi tudo referente a rios, águas , riachos.
Por isso o nome CARIOCA tem que ser colocado na sua verdadeira origem.É o nome da Taba mais importante Tupinamba que se chamava KARIÓCA e vivia as margens do rio que herdou o seu nome nas terras que hoje são os bairros do Flamengo, Laranjeiras, Largo do Machado, Catete ( que era um braço do rio carioca ) e Glória.
Ao entrar na Kuanapará ( Baia da Guanabara ) esta taba era a primeira a ser avistada e logo foi muito visitada.Mais isto eu conto depois……..
FONTE: LIVRO O RIO ANTES DO RIO – RAFAEL FREITAS

Mapa das tribos tubinambás
Porque somos cariocas

Comentários

comments